Arquivos Mensais: Novembro 2009

Preciso de férias

Está se a aproximar finalmente as férias, sinceramente não vejo a hora, estes dias tem sido esgotantes, parece que nos tiram a energia toda. Depois é a constipação, está a turma todo constipada, dentro da sala parecemos quase uma sinfonia. … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 1 Comentário

Noite soturna

Descalça caminha a noite fria pelos subúrbios da memória há muito perdida, caminha descalça para sentir o frio do que lhe foi um dia roubado, caminha assim para onde nem sabe se vai mesmo. O fruto da imaginação roubou a … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 2 Comentários

É por amor…Gonçalo

A noite de lua cheia É quase imprescindívelNa silhueta do seu corpo Eu vejo o invisível O vento traz de seus cabelos Um cheiro suave E eu te juro amor eterno Nesse instante Que mágica tem os seus beijosQue me … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 2 Comentários

Lua Nova

Ontem fui ver este filme ao cinema do Vasco da Gama. Ganhei os bilhetes pela Zon Lusomundo para a antestreia. Fiquei mesmo contente quando soube que tinha ganho um bilhete duplo e esperava com anciã que eles cegassem a minha … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário

saudade

Saudade Saudade dos amigos, saudade das aulas, Saudade de tudo aquilo que ficou para trás. Saudade dos risos juntos  Saudades das fotos das brincadeiras Saudade do ombro amigo, da palavra sincera Saudade dos intervalos, dos jogos de futebol Saudades das … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 1 Comentário

Fugir

Que vontade tenho de sair, de explodir. Estes dias fracos, soalheiros, estes dias que a chuva não para, que o céu esconde a tristeza, chora por mim, grita. Sonhos magoados, sonhos que já não sonho, porque as noites são em … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | 1 Comentário

Manos Al Aire

Tú, que pierdes el contrólHablando en alta vozHieres mi corazónYo, tratando de escucharNo me puedo explicarQué extraña sensación Tú no me quieres entenderY me mandas a callar diciéndomeNo me debo sorprenderPorque así es la realidadDe nuestro amor y yo No … Continuar a ler

Publicado em Sem categoria | Publicar um comentário