Só tu…

Só tu…
De todos os que me beijaram
De todos os que me abraçaram
Já não me lembro, nem sei
São tantos os que me amaram
São tantos os que eu amei
 
Mas tu que rude contraste
Tu que jamais me beijas-te
Tu que jamais abracei
Só tu nesta alma ficas-te
De todos os que eu amei
 
 
 
 
Anúncios
Esta entrada foi publicada em Sem categoria. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s